sábado, 12 de março de 2016

As primeiras contratações do Titans no free agency


Apesar de ter bastante dinheiro para investir no free agency, o Titans foi um dos coadjuvantes na loucura que foi o início desta semana. Enquanto inúmeras franquias derramavam rios de dinheiro, Jon Robinson optou por contratações pontuais. Para o nosso GM, cercar Marcus Mariota de jogadores mais experientes e de boa qualidade foi a prioridade. Veja quem chegou para o ataque da franquia:

WR Rishard Matthews (Dolphins): Três anos, US$ 15 milhões com US$ 2,5 milhões garantidos

Acho que essa foi a nossa principal contratação. Confesso que fiquei preocupado na quarta-feira, uma vez que o mercado estava ficando sem bons nomes e o Titans não agia. Segundo alguns relatos, Robinson conseguiu roubar Matthews do Patriots, o que sempre é bom. Estamos falando de um jogador que teve números modestos em suas primeiras três temporadas, mas que em 2015 mostrou muito potencial. Ele destruiu o Titans naquela tranquila vitória do Dolphins no Nissan Stadium. Apesar de não ser um velocista, Matthews tem uma ótima média de jardas por recepção. Lançando em sua direção, Ryan Tannehill conquistou um rating acima de 120. Acho que não é um jogador capaz de ser o WR número 1, mas certamente vai ser titular ao lado do DGB.

C Ben Jones (Texans): Quatro anos, US$ 17,5 milhões com US$ 7,5 millões garantidos

Antes mesmo do início do free agency, os setoristas do Houston já colocavam Jones no Titans. Ele não é um dos melhores centers da liga, mas foi titular do nosso rival durante os dois últimos anos, quando a franquia teve uma média de 121 jardas corridas por jogo. Acho que vai brigar com Brian Schwenke pela titularidade. Caso leve a pior, deve jogar de guard.

QB Matt Cassel (Cowboys): Um ano

Atuando como titular, Zach Mettenberger tem dez derrotas em dez partidas. Está aí o motivo do Titans contratar Matt Cassel. Não é o QB veterano que eu gostaria de ver ajudando o Mariota, mas é melhor contar com ele do que com o Mettenberger. Impressiona como o ex-QB de LSU perdeu prestígio na liga. Antes do início da última temporada, muitos falavam em uma boa troca envolvendo o Mettenberger, já hoje eu acho que talvez ele nem consiga um novo contrato na NFL.


O FS Rashad Johnson (Cardinals) visitou o Titans nesta sexta-feira e o OG Louis Vasquez (Broncos) deve ir a Nashville no fim de semana. São veteranos interessantes, mas nada de muito especial. Vasquez seria uma contratação excelente há alguns anos, porém o joelho do bloqueador preocupa.

terça-feira, 8 de março de 2016

O que o Titans precisa fazer no free agency


Chegamos oficialmente ao início da temporada 2016. A partir dessa segunda-feira, 7, as franquias podem começar a entrevistar os jogadores que vão ficar sem contrato na próxima quarta-feira. Com um espaço de US$ 47 milhões de dólares em sua folha salarial, o Titans tem tudo para ser um dos times mais ativos. Equipe de pior campanha em 2015, nós temos várias posições urrando por novos titulares. Acho que para 2016, o elenco precisa de novidades nas seguintes posições: WR, OT, OG, C, NT, CB e S. São sete posições que precisam de ajuda via free agency e draft.

Veja quem o time deve contratar via FA:

Center Alex Mack (Cleveland Browns)

Jogadores do nível de Mack não costumam ficar sem contrato. Depois de defender o Browns por sete temporadas sem nunca ter disputado uma partida de playoffs, o veterano de 30 anos resolveu testar o mercado. Será cobiçado por muitos times, muitos deles com bastante dinheiro para gastar. Essa será uma das brigas mais duras que Jon Robinson vai enfrentar no free agency. A experiência e a saúde de Mack justificam todo o esforço necessário para contar com os seus serviços. Ele tem a liderança que o Titans procura para a sua jovem OL.

Guard Jeff Allen (Kansas City Chiefs)

A linha do Chiefs abriu espaços para todos os RBs da franquia. Quando muitos pensavam que a temporada do time havia acabado com a contusão de Jamal Charles, Allen e seus companheiros mostraram que o jogo terrestre podia funcionar com os seus esforços. Estamos falando de um jogador novo, com apenas 26 anos e quatro anos de experiência. Kelechi Osemele e Richie Incognito são nomes com um peso maior, mas com por conta do mercado inflacionado, eles não devem estar no radar do nosso GM.

Safety Tashaun Gipson (Cleveland Browns)

Gibson é o típico jogador que você precisa olhar com muita atenção. O safety do Browns foi um dos destaques da equipe em 2014, quando chegaram a sonhar com os playoffs, mas na temporada seguinte, assim como a estrela da defesa, o CB Joe Haden, ele foi um desastre. Será que um ano ruim apaga uma carreira promissora? Eu acho que não. Há muitos safetys bons disponíveis, e eu acho que Gibson pode ser contratado por um preço bom.

Cornerback Sean Smith (Kansas City Chiefs)

Jogador mais experiente, que se saiu muito bem no Dolphins e no Chiefs. Ainda é muito rápido e atua nas laterais do campo. Pode ser o parceiro que o Titans procura para o Jason McCourthy desde que o Alterraun Verner deixou a franquia.

Nose Tackle Al Woods (Tennesse Titans)

Não acho que o Titans precise de muito investimento nessa posição. A DL do time é forte, conta já com um jogador de Pro Bowl (Jurrell Casey) e outro bastante promissor (DaQuan Jones). Woods se saiu bem quando jogou de titular na última temporada. É mais novo que o Sammie Hill, por isso prefiro que a franquia renove com ele.

segunda-feira, 7 de março de 2016

DeMarco Murray é do Titans


Enquanto eu finalizava um texto sobre as contratações que eu gostaria de ver o Titans fazendo no free agency, veio a bomba. DeMarco Murray é do Titans!!!!

Acho que nenhum torcedor do Titans esperava essa troca. Ainda não divulgaram a compensação que o Eagles vai receber, mas sabemos que o péssimo contrato do Murray vai ser reestruturado.

Depois de ver Antonio Andrews, Bishop Sankey e Dexter McCluester correndo com a bola, o torcedor do Titans finalmente vai ter um RB capaz de carregar o jogo terrestre do time. Murray foi muito mal na última temporada, mas naquela bagunça que era o Eagles, com um esquema ofensivo que não lhe ajudou muito, não dá para condenar o melhor corredor da NFL em 2014.

Com Murray, o Titans vai corrigir um problema que assola a franquia há anos: as conversões de terceiras e quartas descidas para poucas jardas. No ano passado, Murray teve 15 carregadas em 3rd e 4rd downs para uma ou duas jardas. Ele converteu todas, já os RBs do Titans conseguiram o first down em apenas 37% das vezes.

Mularkey gosta desses RBs north/south. Ele fez do Michael Turner um all-pro. Acho que o Murray vai voltar a ter um HC que explore o seu estilo de jogo.

Robinson disse que uma de suas prioridades na off season é ajudar o time a ficar em campo nas terceiras descidas. Com Murray carregando a bola, acho que o Mariota vai jogar um pouco mais

TITANSUP!

sexta-feira, 4 de março de 2016

O que dizem os mock drafts brasileiros

A febre dos mock drafts veio para ficar. Lembro que quando me interessei de verdade por um draft, isso lá em 2005, ano em que tivemos a sexta escolha, era raro achar muitas informações. Hoje o evento é uma febre, toma conta dos noticiários por vários meses. Com o crescimento do esporte no Brasil, não demorou para que sites daqui começassem a fazer os seus próprios mocks. Vi dois até agora. Um realizado de forma bastante precoce, antes mesmo do Combine. Outro logo depois. Ambos podem perder totalmente o sentido com o free agency, mas mesmo assim eu vou dar os meus pitacos.

O vanguardista SportsUSA colocou o OT Laremy Tunsil, de Ole Miss, como a nossa primeira escolha. Vamos ver o porquê:

Os Titans têm tantos buracos a serem preenchidos que o ideal seria encontrar uma equipe e fazer um acordo para dar um trade down e acumular mais escolhas no draft. Caso isso não ocorra, a exemplo do ano passado, o mais provável é que eles reforcem a sua péssima linha ofensiva com Laremy Tunsil, o melhor OT do draft, de forma a proteger melhor Marcus Mariota.

Por mais parcial que seu seja, eu sei que o nosso elenco é fraco. Jon Robinson vai tentar uma trade down, mas é improvável que consiga. Caso o Titans fique com a primeira escolha, o time vai priorizar a sua OL. Acho que o nosso maior problema está no interior da linha, mas você não pega um OG ou um C no first pick. Tunsil é um talento absurdo, muitos falam que ele é o melhor OT desde Joe Thomas. Com ele e Taylor Lewan, a equipe vai ter uma das melhores duplas de OTs da NFL. Lewan ainda não conseguiu se consolidar como um grande OT, mas mesmo com a sua inconsistência, ele aparece na 12ª posição no ranking do Pro Football Focus.



Em sua estreia no site Liga dos 32, Felipe Laurence, de O Quarterback, foi por um caminho um pouco diferente. Veja o que ele disse sobre o CB/S Jalen Ramsey.

A grande maioria dos Mock Drafts colocam o Titans escolhendo Laremy Tunsil com a primeira escolha do Draft, mas a história recente mostra que não há muita vantagem em escolher OTs nas primeiras escolhas do Draft porque você passa talentos melhores. Depois do NFL Scouting Combine, Ramsey se colocou como um dos principais jogadores defensivos desse Draft e tem muito valor para o Titans, que precisa urgentemente de reforços nessa área. A escolha dele aqui faz com que Tennessee tenha uma pedra fundamental na reconstrução do seu time.

A escolha de Ramsey vai se tornar mais popular nas próximas semanas. O defensor de FSU foi um dos principais destaques do Combine, talvez o principal. Gosto desse pick, mas a prioridade da franquia está na OL. Os últimos drafts foram terríveis para os principais OTs, mas isso não significa que o Tunsil vai fracassar também. Esse argumento foi usado pelo PFF, e eu não vejo muito sentido. Se a franquia sentir que o Tunsil é o LT que vai proteger o Mariota por vários anos, não vejo como ele ser descartado.

TITANUP!

quinta-feira, 3 de março de 2016

Antonio Andrews fica

O GM Jon Robinson segue trabalhando. Depois de contratar o CB Brice McCain, ele resolveu renovar por uma temporada com o RB Antonio Andrews. O camisa 26 pediu outra chance e a franquia aceitou. No início da última temporada ele até se saiu bem, mas nos jogos finais o seu desempenho foi desastroso. Deve brigar com o Bishop Sankey por uma vaga entre os 53 jogadores do roster.

No momento, o grupo de RB do Titans é composto por David Cobb, Sankey, Andrews e Dexter McCluster. Ainda temos o FB Jalston Fowler. É muita gente ruim junto, pqp. Acredito que Cobb e McCluster devem sobreviver ao trainning camp, assim como o Fowler. Andrews e Sankey são incógnitas. Os dois vão precisar se matar no próximo verão para conseguirem algumas carregadas na temporada.

Ainda acho que um power RB virá via draft ou free agency. A briga nesse setor será insana.


TITANUP!

quarta-feira, 2 de março de 2016

Brice McCain chega ao Titans


O Titans nem esperou o início do free agency para realizar a sua primeira aquisição. Nesta tarde, o time anunciou a contratação do CB Brice McCain (Dolphins) por duas temporadas e US$ 4,4 milhões. Em nove anos de carreira, ele participou de 100 jogos, 30 como titular, com 188 tackles, 49 passes defendidos e 9 interceptações. McCain jogou com Dick LeBeu no Steelers em 2014, a sua melhor temporada na liga.
McCain não vai mudar a cara da nossa secundária, de longe o setor mais fraco da defesa. Ele é um nickel CB que vai entrar em campo apenas em situações de passe. Eu acredito que com a sua chegada, o time não renove com o Coty Sensabaugh.
O que o Titans fez foi melhorar o seu elenco. Vamos precisar fazer isso no free agency e no draft. Não dá para ser competitivo sem a chegada de inúmeros jogadores. O roster é podre e precisa de uma grande reformulação. McCain é melhor que Sensabaugh e Wreh-Wilson. Minha expectativa é que ele seja o quarto CB, com McCourthy e um novo jogador de titulares, e o Cox atuando como nickel.

Ainda nesta quarta-feira, o Falcons cortou o Roddy White. Certamente o WR vai ser especulado no Titans. Hoje temos quatro receivers no elenco, acho que nenhum muito melhor que ele. White conhece o esquema do Mularkey e foi jogador do Terry Robiskie por oito anos. Não é a solução para o nosso ataque, mas pode ser um veterano capaz de ajudar DGB, Hunter e Wright. Sou mais ele do que o terrível Harry Douglas. 

TITANUP!