segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Titans 10 x 7 Falcons - O último entre os Piores

Essa nossa divisão é uma piada! Certamente a pior divisão da NFL, e o Titans está em último nessa bagunça terrível! É possível que um time se classifique com 6 vitórias na nossa divisão. Isso é terrível!

É claro que eu esperava uma surra daquelas ontem, Falcons estavam 5-1, com um time bem acertado, melhor defesa contra a corrida. Ataque com Matt Ryan, Julio Jones, Roddy White, Devonta Freeman e Jacob Tamme, nós com a secundária com apenas dois titulares, sendo que Jason McCourty, está fora de forma e se machucou no terceiro quarto. Nosso ataque com a OL contendo dois calouros e um segundo anista, contra um excelente front seven ... a surra estava desenhada.

O primeiro quarto andou com uma boa trocação, as defesas estavam melhores e ninguém conseguiu manter a bola por muito tempo, Mettenberger, mandou uma bomba de 45 jardas para Justin Hunter que estava sozinho e deixou a bola cair, na boa, isso deveria ser a condenação desse jogador, prá mim, ele não pertence à essa liga. DGB já havia corrido uma rota errada em uma terceira para 10, ele não está pronto, o que significa que teremos que ver Hunter por esse ano.


A defesa conseguiu uma interceptação e com o campo curto, Mettenberger, lançou um TD para Wright (que dropou umas bolas ontem também).

O Falcons virou no segundo tempo, mas tivemos a bola da vitória em nossas mãos, só para ver Mettenberger lançando uma interceptação no meio do campo. Fim de papo.

A defesa tem mantido o time nos jogos, entretanto, nosso ataque não tem poder de fogo! Esse foi o sexto jogo, só superamos os 14 pontos 2 jogos, e sim o ataque fica pior sem Macus Mariota.

Dessa vez a OL jogou bem, o QB teve tempo de lançar a bola, os calouros da OL, foram seguraram a onda (Andy Gallick, o Center, tomou uma pancada do ponto cego e não voltou para o segundo tempo). Ninguém tem medo dos nossos Recebedores, nenhuma defesa da liga fará um plano de jogo específico para reduzir as ações de Kendall Wright (como fizemos para Julio Jones), e isso faz uma grande diferença. Na NFL há de se ter jogadores capazes de mudar um jogo em diversas posições e nós não os temos onde deveríamos ter (WR. RB, ILB, S e um CB).

Ok, podemos afirmar que o time é melhor quando comparado com o de 2014? Sim; pelo menos competimos em todos os jogos até agora, mas na NFL você é quem o número de vitórias diz que você é, e nós somos o pior time da pior divisão. Acho que a frase que uso com os meus amigos "PTistas" modificada, cabe aqui: "Comparar esse time com o time de 2014 é fácil demais, é bater em gato morto. Tem que comparar o time de 2015 com desempenho que ele deveria ter obtido!"

 Em fim, somos a piada da divisão que é a piada da NFL ... vida dura!

Fazer o que?
Go Titans!

terça-feira, 20 de outubro de 2015

Titans 10 x 38 Dolphins

Em um dia no qual os técnicos novatos dos Dolphins apresentaram um plano de jogo mais eficiente e um preparo muito maior que os técnicos veteranos do nosso Titans, a vida foi dura para no Nissan Stadium, principalmente para os calouros.
Foi o primeiro jogo ruim de Mariota. O garoto lançou duas interceptações, perdeu dois fumbles e arremessou para apenas um TD. Marcus Mariota está aprendendo que a NFL é diferenciada, por exemplo temos uma jogada matadora, uma Slant In (rota diagonal curta, rápida) que, normalmente, é executada à perfeição por Wright ou Walker; Mariota é extremamente rápido e é uma jogada quase indefensável, entretanto, o CB dos Dolphyns reconheceu o padrão, pulou na frente da rota, interceptando a melhor jogada de que tínhamos apresentado até agora, outros times copiarão. A defesa dos Dolphins estava preparada para o QB. Dias ruins acontecem para um QB novato, podemos aguardar mais destes.
Poutasi teve um dia difícil contra Cameron Wake, e depois de permitir três sacks, foi retirado de campo. Andy Galick, o Center, entrou no segundo tempo no lugar de Brian Schwenke (que, novamente, está fora da temporada), e não melhorou a péssima apresentação da OL. Não vi o Fowler em campo e Mount sofreu uma contusão, no meio da semana, que terminou com sua temporada. O único calouro que realmente foi bem, foi DGB, com três recepções para 57 jardas, mas os técnicos insistem em deixá-lo fora de campo.
Por que perdemos? Você tem um QB calouro no time. Para que este cresça, deve-se ter um bom jogo corrido e uma defesa sólida, nosso jogo corrido é, de fato uma piada. Os números estão claramente inflados, não somos consistentes e não conseguimos correr contra os Dolphins, assim tivemos que passar a bola em situações ruins (segundas e terceiras descidas para longas distâncias) jogando toda a responsabilidade do jogo nas costas de Marcus Mariota.  Isso é inaceitável, você tem que proteger o seu projeto de Franchise QB, itelectual, moral e, principalmente, fisicamente. A comissão técnica está falhando miseravelmente em arrumar um esquema para protejer esse garoto.
Pela primeira vez esse ano, nossa defesa não foi eficiente contra o jogo corrido, o que abriu espaço para os play actions e passes de todos os tipos, a saída de Cox no início da partida, não ajudou também, BWW deixa a secundária extremamente vulnerável. No segundo tempo a defesa melhorou um pouco, deu a chance de voltarmos no jogo, mas Mariota logo lançou uma interceptação e fim de papo.
Minha impressão é que a confiança foi embora, e que será uma longa temporada, não vejo como sairmos desse ano com seis vitórias, e o coro pela demissão de Ken Whisenhunt e Ruston Webster, já está a todo vapor em Nashville. A verdade é que a comissão técnica tem que fazer um trabalho melhor, o time precisa estar preparado e nem de perto estava para nesse fim de semana.
PS.: Marcus Mariota foi atingido, por um Linebackers no início do segundo quarto, levou o jogo até o fim, mas foi diagnosticado com uma intorce no Ligamento Colateral Medial, e sua condição para o jogo de domingo contra o Falcons é incerta.
Tá difícil, mas ... Go Titans!

quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Titans 13 x 14 Bills - Não é falta de vontade

Acho que errei na avaliação do Titans no jogo contra o Colts, dizendo que era falta de vontade, vendo o time deixar escapar a vitória novamente no fim do terceiro quarto me fez pensar que talvez esse time precise aprender a fechar jogos, afinal de contas, é um time inexperiente, entretanto, quando observamos a experiência da defesa e do ataque, não vejo um time tão novo assim. Existem atletas nesse time, principalmente na Defesa, com alguns anos de NFL nas costas, que precisam tomar conta dos garotos e conduzí-los para vitórias em jogos apertados.
Em linhas gerais a defesa jogou bem. Colocou o ataque dos Bills em cheque e por dois quartos e meio eles não fizeram nada, entretanto, quando Troyd Taylor, colocou a bola debaixo do braço e correu, não fomos capazes de pará-lo, o garoto correu para mais de 70 jardas, fez um TD correndo, e dois lançamentos que acabaram com o jogo. A pior jogada da defesa foi, novamente, uma big play, em uma terceira para 23 na linha de 7 do campo de defesa, deixamos o QB correr para 24 jardas, Zach Brown (OLB) ainda me fez o favor de cometer uma falta pessoal (15 jardas para os caras). No fim a defesa manteve o ataque dos Bills em 209 jardas e ainda entregou a bola ao ataque faltando 1:50. Penso que a pane da defesa durou aproximadamente um quarto, e não foi por causa desta pane que perdemos o jogo. Impressionante a partida de Jurrell Casey, o nego jogou muito, na minha opinião deixar Brown no banco foi acertado também.
Acho que nosso ataque foi a causa de perdermos esse jogo. Mariota, jogou razoavelmente bem, entretanto, acho que falta talento no corpo de recebedores e os nossos corredores ainda não estão no ponto onde deveriam, é claro que a DL adversária é monstra, mas foi bem contida (Poutasi tomou dois bailes do Super Mario Williams, e só) na maior parte do tempo. O fato é que você não pode ficar 20 minutos com a bola na mão e marcar apenas 3 pontos, 3 pontos? Não se ganha na NFL marcando 3 pontos!!!
Os técnicos deveriam dar ênfase em reduzir a quantidade de faltas, isso mata o time, mata as campanhas.
Fato é que perdemos mais uma e o time que deveria estar facilmente 3-1, está agora, 1-3 e, contando. Claro que esse time é melhor que o de 2015, entretanto, na NFL, você é quem a campanha diz que você é, e nesse momento somos o mesmo time de 2014, ou seja, temos um longo caminho pela frente, temporada será longa novamente!
Go Titans!

quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Jogada da Semana 3 - 2015

O Sangue ainda está quente com a derrota para os Colts no dia 27 de Setembro. Existiram coisas boas, existiram mesmo (Galik o Center calouro - jogou de Guard em 10 snaps e muito bem, acho que o garoto será bom de verdade, Fowler fez TD, Poutasi melhorou um pouquinho e Mariota foi bem, na maior parte do tempo). Hoje vou apresentar uma das 4 jogadas que nos mostram que Dorial Green Beckham deveria ter seu tempo em campo aumentado.

Era uma primeira para o Goal na linha de 3 jardas do campo de ataque. A Figura 1 apresenta os 22 jogadores posicionados em campo. O Titans vem com o pessoal 11 (1 RB e 1 TE), formação Shotgun dois WRs no lado esquerdo da formação, um TE, um WR e o RB no lado direito. Colts mostra Cover 0 nenhum Safety no fundo do campo, cada possível recebedor está coberto bem como o centro do campo.


A Figura 2 apresenta o pós snap, um dos Safeties divide sua atenção entre a dobra da marcação no lado que possui dois WRs, Wright e Douglas executam suas devidas rotas cruzando-as na frente dos CBs, mas a marcação está boa. No outro lado da linha, TE e RB vão para o bloqueio. Mariota identifica a marcação homem x homem ao DGB, sem ajuda de Safety ao CB. Ele fixa seus olhos em Vontae Davis, e manda um Fade no tempo exato, antes mesmo que DGB esteja livre, o arremesso não é perfeito.


A Figura 3 apresenta DGB sendo físico contra a Vontae Davis, a princípio, vi falta na jogada (interferência do ataque), mas não consigo cravar. Como o arremesso não foi bom, existe um monte de contato de parte a parte, entretanto, o WR é bem maior e mais forte que o CB, e isso fez a diferença aqui.


A Figura 4 mostra DGB trazendo a bola para o TD. O "Volume útil" desse garoto deve ser imenso.


Abaixo o Gif apresenta o lance desse Calouro.


DGB tem jogado razoavelmente bem no time de especialistas. Esse moleque é um WR difícil demais marcar, por causa do seu tamanho, força e agilidade. Melhor inseri-lo no plano de jogo, mesmo que lentamente, como os técnicos estão fazendo, seu tempo em campo tem que aumentar.

Um coordenador defensivo deve perder algumas noites de sono pensando em como bater esse menino. Mariota para DGB, essa parceria promete, e muito!

Go Titans!