terça-feira, 24 de março de 2015

Tennessee Titans será vendido?



Não tenho informação alguma sobre uma possível venda do Titans, mas ela vai acontecer. A franquia, que pode custar mais de US$ 1,5 bilhão, está nas mãos de pessoas desinteressadas. Bud Adams, falecido no final de 2013, era a única pessoa de sua família que parecia mesmo amar o clube. Nunca foi segredo para ninguém que ele sonhava com o cobiçado anel de campeão. Seu genro assumiu a direção prometendo conquistar o título em Houston, sede do Super Bowl 51 e cidade natal dos Adams, porém a vontade de Tommy Smith não durou nem dois anos.

No momento, o clube procura alguém para assumir o cargo de CEO, posição que Smith e Adams ocuparam nos últimos onze anos. Desde que Jeff Diamond se desligou da franquia, o manda-chuva do Titans não reside em Nashville. Agora isso vai mudar.

Em entrevista ao jornal The Tennessean, Diamond disse que não se surpreenderia se a equipe fosse vendida. No momento, Sussie (esposa de Smith) e Amy, filhas de Adams, detém 66% do controle da franquia. O restante está com outro filho de Adams, Kenneth.

De acordo com o jornalista Jason Lacanfora, os possíveis compradores são Dave Tepper, bilionário que tem uma pequena porcentagem dos Steelers, Fred Smith, dono da FeDex, e Jimmy Haslam, proprietário do Cleveland Browns.


No final de 2014 circularam boatos que a franquia seria vendida, e que o plano do possível comprador seria colocar Peyton Manning como Presidente. Mesmo batendo bastante no Titans durante toda a sua carreira, Manning segue como ídolo no estado por conta de suas atuações a frente do Tennessee Volunteers.

sexta-feira, 13 de março de 2015

Titans movimenta o Dia 4 do free agency


O Titans foi às compras nesta sexta-feira. Logo no início da manhã, o time renovou com o seu melhor unrestricted free agent, o OLB Derrick Morgan. Agora, o jogador da Gerogia Tech vai receber US$ 30 milhões nos próximos quatro anos. Já Brian Orakpo, o principal edge rusher disponível, vai faturar um pouco mais, cerca de US$ 32 milhões até 2019. Logo em seguida, Ruston Webster garantiu a permanência do DT Karl Klug e do kicker Ryan Succop. E não parou por aí. Com a chegada do TE Antonhy Fasano, o clube melhorou um grupo que vinha sofrendo com inúmeras contusões.  

Muito criticado, Webster fez o que a torcida queria ao assinar com os dois principais edge rushers no mercado. Orakpo sofreu com contusões recentemente, mas quando esteve inteiro, o ex-atleta dos Redskins foi implacável. Ao contrário do Morgan, Orakpo ajuda muito contra o jogo terrestre, verdadeiro calcanhar de Aquiles do time em 2014. Mesmo com essas contratações, ainda quero ver James Harrison aterrissando em Tennessee.

Penso que o Titans ainda será mais ativo no mercado. É visível a urgência do time em melhorar a secundária e a OL. Acho difícil contratarmos um OT para ocupar o lugar do Michael Oher. Os jogadores talentosos já assinaram com outras equipes, por isso Webster deve investir a nossa escolha na segunda rodada nessa posição. Talvez apareça algum RB e outro WR.


Hoje o CB Perrish Cox visita o CT do Titans. Assim como Orakpo, ele não pode deixa a cidade sem assinar com a equipe.

quinta-feira, 12 de março de 2015

Titans acerta com Safety Da'Norris Searcy e WR Harry Douglas

Com muitos buracos em seu elenco, o Titans começou o período do free agency buscando profissionais capazes de preencher algumas das lacunas que apareceram no início do ano. A contratação do safety Da'Norris Searcy visa sanar a saída de Bernard Pollard, um dos jogadores mais agressivos da liga. Segundo o site Pro Football Focus, a oito jardas da linha de scrimmage, nenhum safety na liga foi mais mortal que Searcy, em 2014. Jovem, rápido e muito forte, o ex-atleta do Buffalo Bills tem totais condições de ajudar no combate ao jogo corrido.

Já o WR Harry Douglas é um velho conhecido do Mike Mularkey, assistente do Titans que comandou o jogador em Atlanta. Com Wright visivelmente fora de sintonia com o ataque de Mike Whisenhunt, acho que Douglas pode tocar na bola mais do que alguns imaginam. É veloz, tem boas mãos e joga muito bem no slot. Não é aquela ameaça ao fundo do campo, mas com tantos talentos no draft, não vejo porque investir nessa área no FA.


Vão visitar o time nos próximos dias: o CB Perrish Cox e o OLB Brian Orakpo. Em hipótese alguma esses caras podem sair de Nashiville sem assinar com o Titans.

terça-feira, 10 de março de 2015

Minha visão do free agency

Voltei. Depois de muitos meses administrando a raiva que o Titans me fez passar em 2014, está na hora de falar sobre a próxima temporada. Nesta terça-feira, a partir das 17h (horário de Brasília), o time poderá assinar com jogadores que estão sem contrato. Como o nosso recorde deixou bem claro, temos diversos buracos, e nem como todo o dinheiro do mundo seremos capazes de tapá-los nesse free agency.

Segundo os principais setoristas da equipe, o nosso GM vai atrás de edge rushers e bons DBs. Na minha humilde opinião, devemos fechar com os seguintes jogadores:

OLB Brian Orakpo:

Para muitos, Jason Worilds, do Steelers, é o melhor edge rusher disponível, mas alguns torcedores em Pittsburgh o odeiam. De acordo com o site Pro Football Focus, em 2014, Worilds pressionou o QB em apenas 27 dos 590 snaps que participou. O que é muito ruim. Orakpo tem números parecidos e vai nos custar bem menos.

OLB James Harrison:

Com Dick LeBeu em Tennessee, acho praticamente impossível James Harrison não desembarcar na capital da coutry music. Ele tá velho, mas ainda sabe como parar o jogo corrido e chegar ao QB adversário. É um líder e adora bater muito forte. Precisamos de um pouco de maldade.

NT Terrence Knighton

Ray Horton tem uma relação de amor platônico com o nosso NT Sammie Hill. Mesmo com números péssimos, ele segue dizendo que o jogador rende muito bem e que deveria ir ao Pro Bowl. Após o fiasco de 2014, Horton não tá tão bem assim em Tennessee e acho que não será capaz de barrar a contratação de um novo NT.

NT Dan Williams

Escolha de Ken Whisehunt no draft de 2010, Dan Williams começou a produzir muito bem em Arizona nas duas últimas temporadas. Na minha opinião, é o segundo melhor nome disponível e poderá ajudar demais o time.

C Stefen Wisniewski

Nosso atual center precisa melhor muito para ser chamado de ruim. Se quisermos correr com a bola este ano, vamos ter que mudar o interior da linha defensiva. Warmack foi um dos melhores OG nas últimas seis semanas da temporada, e o LeVitre não deixará Tennessee. Com um center decente, acho que todos podem evoluir.

CB Chris Culliver


A falta de bons CB disponíveis é gritante. Como a experiência Blidi Wreh-Wilson não deu certo, o Titans precisa agregar talento a este grupo.

OT Jermey Parnell


Único OT disponível que vamos conseguir por um bom preço. Após gastar muito com vários jogadores que não renderam nada, Webster vai ser um pouco mais conservador aqui. 

segunda-feira, 9 de março de 2015

E lá vamos nós de novo ...

A temporada de livre negociação de jogadores (free agency) começa dia 10. É tempo de arrumar alguns reforços para tentar fazer do Titans um time competitivo. Um bom time, normalmente se desenvolve a partir do Draft, entretanto, trazer talento via Free Agency é imprescindível e não estamos indo bem nesse quesito à algum tempo. Temos aproximadamente 46 milhões prá gastar, temos que deixar alguns bons jogadores bem ricos, ou seja, pagar mais do que outros times pagariam por que o Titans hoje não é um atrativo, então temos que botar grana no negócio, em fim, temos muitos buracos para preencher, e não sei se conseguiremos trazer bons jogadores para tal.

As negociações estão abertas, sem que negócios possam, de fato serem fechados (exceto para a permanência de atletas), com isso fechamos com dois importantes atletas do time de especialistas Brett Kern (punter) e Beau Blinckler (long snapper). Quais são as nossas necessidades? Temos buraco em tudo que é lugar, vamos aos principais:

1. Offensive Tackle - Michael Oher partiu (graças a Deus), Michael Roos se aposentou e o contrato de terminou. Precisamos de, pelo menos, dois bons OTs.
2. Offensive Guard - a palavra aqui é profundidade, os reservas são ruins demais, mas acho que vamos de guard no Draft, no quarto ou quinto round.
3. OLB - Derrick Morgan está sem contrato e os demais foram muito mal ano passado. Precisamos de, no mínimo, dois, visto que pegamos alguns promissores no fim do ano passado.
4. Secundária - Blid Whre Wilson e Michael Griffin estão operados, Bernard Pollard foi dispensado, os reservas são ruins (BWW já é ruim). Precisamos de, no mínimo, dois CBs e um Safety.
5. ILB - Colin McCarthy está sem contrato, Zach Brown está vindo de contusão. Precisamos de um, pelo menos.
6. WR - Nate Washington está sem contrato, Derek Hagan também. Nosso corpo de WR é pior do que imaginávamos, eu queria Cobb (Packers), Bryant (Cowboys) ou Jeffery (Broncos), mas não vai acontecer, visto que Cobb renovou o contrato e os demais receberam Franchise Tag. No mínimo dois e um TEM QUE SER TOP.
7. QB - Infelizmente Jake Locker não deu certo (atraso de mais 4 anos na franquia), precisamos de um QB para competir.

É muito buraco para um time só!

O que eu acho que devemos fazer?
a. Ir atrás do melhor Pass Rusher disponível (Jerry Hughes [Bills] ou Jason Worilds [Steelers]) e renovar com Derrick Morgan (pelo preço certo);
b. Encher o Bulaga (OT dos Packers) de grana;
c. Encher o Torrey Smith (WR dos Ravens) de grana.
d. Pegar um bom corner, tipo Carey Williams (Eagles) ou alguém parecido.
e. Um Safety para competir com os nossos moleques, que não estão indo mal, mas não tem bons safeties no mercado.

Arrumar a profundidade das diversas posições. Acho que isso nos daria tranquilidade para draftar, mas tem que botar grana se quiser fazer estes caras pararem por aqui. Temos que voltar a ser agressivos dentro e fora de campo.

Se seremos, saberemos amanhã ...

Go Titans!